Tire as sandálias dos teus pés!

A tradição empregada nos milhares de terreiros de Umbanda pelo País – e também naqueles que já existem fora do Brasil, como no Japão por exemplo – assim como nas demais religiões de matriz africana, de tirar os calçados antes de entrar na casa já vem de centenas de milhares de anos.

Antes de se apontar como sendo algum ritual absurdo e exclusivo das Religiões Africanas, vale lembrar que quase a totalidade dos povos de origem chinesa e japonesa tem este mesmo costume: tirar os calçados antes de se entrar numa casa ou lugar sagrado! Assim, pelo menos a metade da população mundial tem e segue esta tradição!

Bom, mas por que tirar o calcado e ficar descalço nas Terreiras? Qual o problema de entrar na Terreira de calçado?

A explicacao vem direto do começo:

Depois que Deus chamou Moisés ali, enquanto a sarça queimava e não se consumia. Deus continuou: não de chegues pra cá; tira as sandálias dos pés, porque o lugar onde estás é terra Santa. (Êxodo, 3:4 e 3:5)

Aí está a resposta! Lá no começo da Revelação, uma das primeiras orientações do Pai ao seu filho Moisés era de que ao ENTRAR EM SOLO SAGRADO, SANTIFICADO, deveria tirar suas sandálias! Aí está a explicação! Então o que fazemos hoje em dia, já foi feito por Moisés. Impressionante não è?

Quando não sabemos as razões, os motivos, e sem saber, criamos novas razões e outros motivos, daí parece impressionante que repetimos o que Moisés fazia! Mas a nossa reação deveria ser pela magnitude do ato de tirar as sandálias, em função de quem deu a ordem e de quem obedeceu!

Nossa reação deveria ser de humildade, e rapidamente tirar as sandálias dos pés…

Porque o ato tem um Alto significado: Deus disse que o solo era santo, sagrado; sabemos que Deus está em todos os lugares, mas o que muitos não sabem e nos as vezes esquecemos, é que há locais santificados pelos seus trabalhadores, preparados para servirem de Terreiros de Umbanda, por exemplo! Através da atuação planejada dentro da Linha de Orixás, Exus mais adiantados, a serviço de caboclos pretos velhos, guiam corajosos dirigentes a abrir casas cujos locais são previamente preparados e mantidos como sagrados.

Assim, o terreiro de uma casa de umbanda é um solo sagrado! Devemos ter um respeito mais do que protocolar ao pisar nele. Deverianos – ao tirar as sandálias – tirar também toda a nossa arrogância de achar que somos muito bons; nosso orgulho, de achar que não precisamos pedir desculpas e de que não erramos; da vaidade exacerbada, por acreditar que o lado de fora é mais importante que o lado de dentro!

Ao entrar numa Terreira, somos observados o tempo todo pelos guias e guardiões! Que aprovam ou desaprovam o que fazemos. Calados, se entristecem com o que fazemos! Via inversa, se alegram quando respeitamos o que o Mestre Jesus quer de nós!

Alias, e aqui vai uma opinião particular desta formiguinha invisível: assim como eu muitas vezes não deveria pisar no solo sagrado de uma Terreira, muitos tambem não poderiam; a menos que nos limpemos do mau que fizemos e lavemos nossos pés nas águas daquela bacia usada pelo Mestre Jesus!

É o que a Umbanda quer de todos nós: tiremos nossas “sandálias” ao pisar em solo sagrado!

Sarava a todos.

José Augusto da Cunha Meira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s