Os tempos são chegados!!

“O homem já não caminha às cegas: sabe para de onde vem, para onde vai e porque está na Terra. Tudo se revela em sua realidade, despojado dos prejuízos da ignorância e da superticão.” Alan Kardec Livro Gênese, título Os tempos são chegados.

Como sinos tocando, para nos fazer olhar para o Alto, para nos fazer lembrar da Espiritualidade, esta afirmação de Alan Kardec de que o tempo de ver como num espelho chegou, vem sendo renovada e disparada há 152 anos, desde 1.868.

Porque depois da Terceira Revelação – a Codificação Espírita – sem qualquer dúvida o homem já não caminha mais às cegas! O véu foi derrubado pelo Espírito da Verdade; foi revelado o que havia por traz do Véu de Izis; as cortinas do grande palco do invisível foram abertas!

Mas porque este sino fica tocando desde 1.868? Porque fica se repetindo?

Para que a mensagem seja recebida por toda a Humanidade, em todos os cantos da Terra.

Pela autoridade divina do remetente, deve a mensagem chegar a todos…

E esta explicação, orientação ou alerta teve e ainda tem alguns endereços mais do que certos: todos os trabalhadores e adeptos das religiões espíritas (em grau de gênero).

Devidamente qualificados pelos estudos e pelas orientações de nossos mentores, guias, guardiões e sacerdotes umbadistas, somos trabalhadores escolhidos para espalhar esta boa nova, esta revelação organizada e ditada Jesus, de esclarecer aos nossos companheiros de jornada terrena que a vida continua após a morte material do nosso corpo.

Por isto a mensagem se repete desde 1.868!

Umbandistas: com a grandeza e autoridade da Linha de Xangô, através do caboclo Sete Raios, a nós trabalhadores a vida que existe no Mundo dos Espiritos se revela ainda mais em sua realidade! Ainda mais! Porque é da Umbanda uma maior rapidez nas respostas!

Na Umbanda, o reflexo do espelho é mais rápido e mais amplo.

Aqui vai um parêntes: estas revelaçoes do Mundo dos Espíritos por dentro – e através – da Umbanda, estão provocando intencionalmente mudanças salutares no comportamento dos trabalhadores, mudanças para que a Verdadeira Umbanda seja também revelada, despojadas dos prejuízos da ignorância e da superticão!

Explicando: já é chegada a hora de um trabalhador mais completo: mais estudioso, mais disciplinado, mais educado moralmente e espiritualmente, mais humilde em seu tamanho e mais caridoso, e aqui uma exigência nova, mas antiga para o espiritismo: sem superticão, sem crendices descabidas, exageradas, cheias de nomes estranhos que não conseguem ter uma ligação com o orixá ou com a entidade baixada na terreira!

Para o que a Umbanda vai enfrentar nos anos que estão por vir, já contando com este 2020, é chegada a hora deste novo trabalhador se completar!

Entao avante trabalhadores umbandistas, agora, pra frente, sem paredes, porque os guardioes não nos faltarão!

Maktub! E um salve do meu coração para todos vocês!

Jose Augusto da Cunha Meira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s